Julio Chiavenato

Julio Chiavenato

Júlio José Chiavenato nasceu na cidade de Pitangueiras (SP), em 1939. Sua família se mudou para Ribeirão Preto em 1952. Como jornalista, começou em 1965 no jornal "O Diário", de Ribeirão. Nessa localidade, atualmente é colunista de "A Cidade". Foi ainda repórter da edição gaúcha do "Coojornal", na década de 1970, quando começou a se dedicar a livros de história. É autor de 47 livros sobre o Brasil e a América Latina, entre os quais "Genocídio Americano: A Guerra do Paraguai", "As Meninas de Belo Monte" e "Massacre da Natureza". Dele, a Noir publicou "Cangaço - A milícia do coronelismo" e "A bastarda de Deus".

Exibir:
Organizar por:

A Bastarda de Deus - A Bíblia e a cultura da violência contra a mulher - De Júlio Chiavenato

256 PáginasO culto vulgar da Bíblia como um livro sagrado e onde estão todas as verdades do mundo e..

R$54,90

Cangaço - A milícia do coronelismo - De Júlio Chiavenato

120 PáginasVocê vai repensar tudo que sabe ou ouviu sobre o cangaço depois que ler este livro. Exem..

R$44,90